Saiba como fazer uma mudança de casa organizada em alguns passos

Dicas Domésticas

Ao mesmo tempo que mudar de apartamento é ótimo por trazer novos ares, também é bem estressante e trabalhoso. Uma forma de minimizar a dor de cabeça, deixando o processo menos traumático é investir em organização e planejamento para fazer a mudança.

Loja Virtual Tenda
Spotify Blog da Tenda

Classificar os itens e determinar cada etapa do processo com a devida antecedência: só isso já facilita bastante a mudança, garantindo que tudo saia da melhor forma possível. Um ponto fundamental é não deixar tudo para o mesmo dia, já que, assim, a possibilidade de algo dar errado é bem maior. O primeiro passo, portanto, é começar antes e dividir as tarefas com os familiares.

Seja para mudar para um lugar maior, sair da casa de parentes ou finalmente dar adeus ao aluguel, não importa: é preciso preparo. Para facilitar esse momento e evitar crises, preparamos 7 dicas que certamente o ajudarão nesse grande dia. Confira!

1. Faça um planejamento detalhado do dia

O primeiro passo para garantir que tudo sairá perfeito no dia da mudança é planejar com antecedência. Defina qual será o caminhão que fará o transporte, se há espaço para ele estacionar no ponto de origem da viagem e também no local de destino, tenha à mão as ferramentas necessárias para desmontar móveis menores, bem como caixas para armazenar itens.

Além das caixas, pense também nas fitas necessárias para fechá-las e no plástico bolha para embalar móveis e itens mais sensíveis. Ainda em relação às caixas, procure modelos de vários tamanhos para armazenar tudo de forma organizada e por categorias, evitando sobrecarregar algumas com peso demais. Afinal, você não quer chegar na sua casa nova já tendo que lidar com quebras ou danos, certo?

O ideal, portanto, é fazer uma lista do que você precisará no dia, já providenciando a compra do que for necessário com antecedência. Assim, não haverá nenhum estresse não programado na hora.

2. Separe itens por categoria ou por cômodos

Para facilitar tanto o processo de embalagem como a organização no novo lar, é bom separar os itens por categoria ou cômodos. Isso agilizará bastante o processo de descarregamento da mudança, com as caixas já podendo ser levadas para os respectivos locais de destino.

As peças de decoração da sala podem ser colocadas em uma mesma caixa, por exemplo, junto com os móveis desse ambiente. Assim, quando forem descarregados na nova casa, poderão ser levados diretamente para o ambiente certo. Eventualmente, quando chegar a hora de organizar, você já terá tudo na mão.

Só um destaque: tenha atenção especial com os eletrodomésticos da cozinha, ok? Verifique no manual de instruções a forma correta de transportar cada um para não haver danos. Não se esqueça ainda de que geladeiras e freezers precisam de descongelamento prévio, evitando bagunça e água escorrendo em meio à mudança.

3. Coloque nomes nas caixas

Separou tudo direitinho? Pois não se esqueça de que é de fundamental importância nomear cada caixa para saber depois onde estão determinados itens, além de facilitar que os pacotes sejam levados aos cômodos certos. Imagine precisar de alguma coisa específica logo nos primeiros dias pós-mudança e ter que abrir caixa por caixa para encontrar. Por isso, trate de acrescentar um canetão na sua lista de planejamento!

A hora da mudança pode ser ainda um momento de reavaliar determinadas peças do seu mobiliário ou guarda-roupas. Com antecedência, avalie se elas ainda são úteis para a família ou se por acaso não chegou o momento de se desfazer de algumas. Doe o que estiver em bom estado para quem precisa ou venda para um brechó. O ideal é aproveitar para só levar para a casa nova aquilo que será efetivamente útil.

4. Evite envolver crianças e animais

A mudança é um processo estressante que requer cuidado e atenção. Se for possível, portanto, evite envolver crianças ou animais nesse dia, para que eles não atrapalhem ou mesmo sofram algum ferimento. Peça ajuda de amigos ou familiares para que cuidem dos seus filhos ou dos pets domésticos, permitindo que o trabalho seja feito da forma mais organizada e previsível possível.

5. Dê atenção especial aos móveis

Os móveis merecem atenção especial na hora da mudança. Enquanto alguns poderão ser transportados da forma como estão, montados, a grande maioria precisará ser desmontada na saída para ser remontada no novo lar.

Se você domina o processo e acha que não terá dificuldades em fazer por conta própria, já vá identificando cada peça na hora do desmonte para facilitar depois. Uma boa dica é fotografar cada etapa para não se esquecer de nada depois. Coloque parafusos, pregos e cavilhas em um mesmo recipiente ou saquinho, identificando com o nome do móvel a que pertencem. Assim, nada vai se misturar ou perder.

Se você achar que não tem a capacidade necessária para realizar esse tipo de tarefa, não se sinta pressionado. Há no mercado inúmeros profissionais que trabalham exclusivamente com esse tipo de trabalho, viu? Só é importante contratá-los com antecedência para que tudo ocorra sem imprevistos na hora H.

6. Contrate um bom serviço de transporte

Atualmente, são inúmeras as empresas que prestam serviços de transporte de mudança, agradando aos mais variados gostos e bolsos. Algumas delas inclusive fazem todo o trabalho, incluindo a parte de embalar e desembalar itens, bem como o desmonte e a remontagem de móveis.

Faça uma boa pesquisa antes e peça recomendações para verificar quem oferece a solução de que você precisa por um preço justo. Busque referências com clientes e ex-clientes, perguntando como é o transporte, se os profissionais embalam os móveis corretamente, se são cuidadosos e assim por diante. Você não quer chegar na casa nova com o sofá sujo ou um móvel quebrado, não é mesmo?

7. Separe uma caixa para o primeiro dia

Pense em como será o primeiro dia na casa nova. Você e sua família precisarão de itens básicos, como de higiene, roupas e alimentação que dispense o uso de geladeira e fogão para consumo. Por isso, a sugestão é preparar uma caixinha emergencial para o primeiro dia contendo esses itens.

Acredite: esse cuidado simples já facilitará bastante o processo de instalação na nova casa, evitando que tenha que sair à procura do que precisa em meio a todas aquelas caixas empilhadas e coisas fora de lugar.

Como você viu aqui, o processo de mudança de casa pode ser significativamente facilitado com uma boa dose de planejamento e organização. Para isso, basta seguir algumas dicas básicas para esse dia! Não se esqueça ainda de verificar as regras do condomínio para onde está se mudando, se for o caso. Em alguns deles, mudanças só podem ser feitas em dias e horários específicos, sabia?

Por fim, vale lembrar que sempre trazemos aqui para o blog dicas fantásticas para melhorar o dia a dia no seu lar. Quer ficar de olho? Então assine a nossa newsletter para receber conteúdos novos diretamente na sua caixa de entrada!

Loja Virtual Tenda
Spotify Blog da Tenda
Autor do Post | Tenda Blog
Escrito por:

Tenda

Deixe o seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

(0) Comentários
Este artigo ainda não possui comentário. Seja o primeiro.
Deixe seu contato

A gente quer compartilhar as novidades primeiro com você.