Saiba como deixar o apartamento mais seguro para idosos

Dicas Domésticas

Medidas para prevenir acidentes são essenciais para deixar o apartamento mais seguro para idosos — tanto para aqueles que vivem com seus familiares quanto para os que fazem questão de manter sua independência morando sozinhos.

Loja Virtual Tenda
Spotify Blog da Tenda

Se você convive com um parente de idade avançada, sabe o quanto tarefas que eram simples podem se tornar desafiadoras. A boa notícia é que existem maneiras eficazes de deixar o apartamento mais seguro para idosos. São pequenas adaptações que lhes permitem manter a funcionalidade no dia a dia, inclusive quando moram sozinhos.

Para prevenir tombos e outros acidentes, confira as dicas deste post. Afinal, cuidar dos mais velhos é um gesto de amor, respeito e gratidão!

Por que é recomendado adaptar a casa para os idosos?

Nos últimos tempos, a arquitetura inclusiva vem ganhando destaque. Esse conceito propõe adaptar os ambientes para receber pessoas com deficiência, com mobilidade reduzida (permanente ou temporária), gestantes e, claro, idosos (a partir dos 60 anos de idade).

No caso desses últimos, recomenda-se eliminar barreiras que dificultem a autonomia no dia a dia. É importante reforçar que, segundo o Ministério da Saúde (MS), a maioria das quedas que causam incapacidade permanente ocorrem dentro de casa.

Como deixar o apartamento mais seguro para idosos?

Para prevenir acidentes, as adaptações devem ser feitas de acordo com as limitações e necessidades de cada idoso. No entanto, o objetivo é apenas um: tornar os cômodos mais acessíveis e funcionais.

Ao mesmo tempo, é preciso incentivar a adoção de hábitos saudáveis por parte dos mais velhos. Por exemplo: sempre que possível, eles devem praticar atividades físicas para o fortalecimento muscular e para a melhora do equilíbrio.

Quais ambientes precisam ser adaptados?

Antes de começar, analise os cômodos e veja quais são as mudanças necessárias. Depois, sugerimos reunir os parentes próximos e dividir as tarefas — assim, o trabalho acaba mais rápido.

Algumas das dicas a seguir foram baseadas nas orientações da Caderneta de Saúde da Pessoa Idosa. Inspire-se nelas para deixar o apartamento mais seguro para os mais velhos!

Cozinha e lavanderia

A divisória entre a cozinha e a lavanderia, caso exista, não deve criar barreiras no chão, para evitar tropeços. Portas de correr com trilho no piso, por exemplo, são contraindicadas.

Prefira deixar os ambientes integrados, o que aumenta a sensação de espaço — algo importante em apartamentos pequenos. Para isso, basta manter a lavanderia organizada, evitando o acúmulo de objetos.

O ideal é que o piso nesses ambientes seja antiderrapante. Mesmo assim, após a limpeza os idosos devem ser orientados a esperar a superfície secar antes de pisar, para prevenir escorregões.

Também é indicado colar uma fita antiderrapante em frente à pia. Esse local costuma ficar escorregadio, por conta dos respingos dos preparos culinários.

Outra dica é deixar os utensílios e mantimentos de uso frequente em locais de fácil acesso. Organize-os em armários ou prateleiras à altura das mãos, para o idoso não precisar agachar nem subir em nenhum banco ou escada para alcançá-los.

Salas

Evite capachos e tapetes soltos pela sala. Se não puder prendê-los, é melhor retirar. Já os fios de aparelhos eletrônicos precisam ser fixos nas paredes.

Tanto as cadeiras da mesa de jantar quanto o sofá devem ter braços e assentos com altura de, aproximadamente, 50 cm. Isso facilita o ato de se sentar e levantar.

Os objetos presos às paredes, como painel da televisão, prateleiras, espelhos, entre outros, devem ser fixos com parafusos. Do contrário, podem cair sobre o idoso.

Quarto

Para facilitar o deitar e levantar, a superfície do colchão deve ficar entre 45 e 50 cm do piso. O ideal é que o idoso consiga apoiar os pés no chão quando estiver sentado na cama. Se necessário, instale uma barra de apoio em uma das laterais do móvel.

Não deixe objetos, como calçados, espalhados pelo chão do quarto. Crie um local adequado para guardá-los.

Se o idoso tiver o hábito de se levantar durante a noite ou de acordar antes do amanhecer, deixe uma luz noturna ligada. De preferência, em uma tomada posicionada em uma área de passagem, para facilitar a visão.

Banheiro

Coloque um tapete antiderrapante no box. Se necessário, instale barras de apoio nas paredes e deixe uma cadeira de plástico (resistente) embaixo do chuveiro. Para evitar que o sabonete caia, deixe-o dentro de uma meia-calça (amarrada no registro).

Indica-se instalar barras de apoio junto à bacia sanitária, e o assento deve ficar a 46 cm de altura do chão. Caso seja baixo, use um elevador de assento.

Na porta, instale uma maçaneta do tipo alavanca. Ela facilita o abrir e fechar e evita que o idoso fique preso no banheiro. E não custa reforçar, para ele, a importância de não trancar a porta.

Como instalar corretamente as barras de apoio?

Antes de furar as paredes, verifique se não há fiação elétrica nem encanamentos, para não provocar nenhum dano ao imóvel ou colocar sua segurança em risco. Se ficar em dúvida, solicite as plantas elétrica e hidráulica para a construtora.

Segundo a cartilha Casa Segura para o Idoso, as barras de apoio devem respeitar as normas da Associação Brasileira de Normas Técnicas (NBR 9050, da ABNT). Para isso:

  • os elementos de instalação e fixação devem ser resistentes à corrosão, como aço inox;
  • a barra de apoio utilizada no quarto deve ser vertical, com, pelo menos, 90 cm de comprimento e instalada a 40 cm do piso;
  • as barras de apoio usadas em banheiros, próximas do vaso sanitário, devem ser horizontais, com, pelo menos, 80 cm de comprimento, instaladas a 75 cm do chão e fixas a, no mínimo, 4 cm da parede;
  • a barra na parede do fundo evita que o idoso se apoie na caixa acoplada. Para isso, a distância entre ela e a tampa da caixa deve ser de, no mínimo, 15 cm;
  • como em banheiros pequenos não costuma existir parede na lateral do vaso sanitário, considere instalar uma barra lateral articulada;
  • no box, a barra de apoio deve ter, pelo menos, 60 cm, e ser instalada na parede do chuveiro, à distância de 75 cm do chão.

Por fim, lembre-se de que caso os idosos sejam seus pais ou avós, eles provavelmente adaptaram suas casas quando você, seus irmãos e seus primos eram pequenos. Além disso, cuidaram de vocês a vida inteira. Então, nada de preguiça na hora de ajudá-los: deixar o apartamento mais seguro para idosos é bom para todos. Forme uma força-tarefa com os familiares e conclua essa boa ação o mais breve possível!

Se você gostou deste post e quer ficar por dentro de outras dicas sobre vida em família e afins, aproveite para assinar a nossa newsletter!

Loja Virtual Tenda
Spotify Blog da Tenda
Autor do Post | Tenda Blog
Escrito por:

Tenda

Deixe o seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

(0) Comentários
Este artigo ainda não possui comentário. Seja o primeiro.
Deixe seu contato

A gente quer compartilhar as novidades primeiro com você.