Entendendo o mercado imobiliário: glossário básico – Tenda



Cadastre-se e fique
por dentro das novidades.





Saber mais sobre o mercado imobiliário nunca é demais. E ainda pode te ajuda na hora de tomar certas decisões. Por isso, hoje trazemos um glossário com os termos mais utilizados pelos corretores.

Saber mais sobre o mercado imobiliário nunca é demais. E ainda pode te ajuda na hora de tomar certas decisões. Por isso, hoje trazemos um glossário com os termos mais utilizados pelos corretores e que com certeza vai facilitar a sua vida:

Alienação fiduciária: transferência do devedor para o credor de um bem móvel ou imóvel em garantia do pagamento da dívida. O devedor fica com a posse direta do bem para seu uso e o credor detém a posse indireta do mesmo. Depois de quitar o empréstimo, o comprador adquire a propriedade definitiva do bem.

Alvará: Documento emitido pelo orgão público competente, que autoriza a construção ou incorporação de um projeto.

Benfeitoria: Obras ou serviços realizados no imóvel que visam sua conservação ou melhoria.

Crédito Imobiliário: especializado ao financiamento habitacional. Existem dois tipos de crédito imobiliário:

- SFH: Sistema Financeiro da Habitação, que é voltado para habitações de cunho social e atende principalmente as classes mais baixas

- SFI: Sistema de Financiamento Imobiliário, que é para operações de cunho comercial e está subordinado às taxas do mercado. Suas garantias podem vir sob forma de hipoteca ou alienação fiduciária.

Escritura: ato jurídico lavrado em cartório em que o vendedor transfere ao comprador a posse do imóvel, quando este está quitado integralmente.

Hipoteca: quando um bem (móvel ou imóvel) é utilizado como garantia de pagamento de uma dívida. O devedor detém a propriedade e a posse do imóvel, que poderá ser tomado pelo credor por meio de execução judicial.

TBI - Imposto de Transmissão de Bens Imóveis: taxa gerada pela transação mobiliária e cobrada pela prefeitura sempre quando houver transmissão de propriedade de bens imóveis.

Tabela Price: tabela para cálculo de prestações de um financiamento. Cada prestação resulta de duas partes: uma do desconto da dívida principal e a outra parte, de juros. O método de cálculo consiste em manter as prestações constantes; ao longo do financiamento a parte do desconto aumenta enquanto a de juros diminui.

Fique de olho nas nossas próximas dicas e até lá.




Todos os direitos reservados Tenda 2019
CPNJ: 09.625.762/0001-58