SAIBA POR QUE INVESTIR EM IMÓVEIS VALE A PENA

Guia da Tenda

Investir em imóveis é uma opção sólida de aplicação financeira. Sabe o que é o melhor? Garantir o futuro da sua família! Veja, neste post, por que investir em imóveis agora!

Loja Virtual Tenda
Spotify Blog da Tenda

Em primeiro lugar, investir em imóveis sempre foi uma alternativa segura e lucrativa para aplicar dinheiro — muito mais do que a poupança. Além disso, as construtoras e os bancos vêm facilitando as condições de pagamento.

Mesmo assim, é natural ter dúvidas. Afinal, quando decidimos comprar o apartamento próprio, logo vem à nossa mente as parcelas para pagar.

Porém, você já parou para pensar que se trata de um investimento? Sim, qualquer pessoa pode investir em imóveis, inclusive você! E, além do cenário positivo para a aquisição, existem os programas do governo.

Com eles, é viável conseguir subsídios habitacionais e juros menores do que os do mercado. Outra boa notícia: o tamanho das prestações se ajusta à sua renda. Quer saber mais? Então, venha com a gente!

Por que investir em imóveis?

Investir em imóveis | Guia da Tenda | Blog da Tenda

Comprar um imóvel é um dos investimentos de menor risco. Isso porque uma propriedade não está atrelada ao comportamento dos bancos nem das bolsas de valores.

Outro motivo é que ter um imóvel próprio é assegurar um teto para seus entes queridos, principalmente seus filhos. Aliás, um único imóvel é capaz de sustentar várias gerações de uma família.

Ter um lugar para chamar de seu faz toda a diferença no dia a dia — a começar pela possibilidade de dizer adeus ao aluguel. E não faltam razões para investir em imóveis. A seguir, você acompanha alguns desses motivos!

Segurança

Uma das melhores razões para investir em imóveis é a segurança de que ninguém poderá tirar esse bem de você. Dessa forma, assim que o negócio for registrado em cartório, sua posse é garantida. Ou seja, é um patrimônio que vai ficar para seus herdeiros.

Além disso, quando se trata de um imóvel popular e residencial, é muito simples alugar. Afinal, sempre surgirão pessoas para locar uma moradia.

Com um imóvel maior e com outras características não residenciais, como uma propriedade industrial ou comercial, pode ser complicado achar um inquilino. Por sua vez, um apartamento compacto com parquinho, garagem e churrasqueira, por exemplo, atende a quase todas as famílias do Brasil.

Tendência de valorização

Não é de hoje que o mercado imobiliário é tido como bastante próspero. Essa qualidade tem origem no histórico de cotação desse ativo. Ao longo das últimas décadas, a maioria dos imóveis teve valorização, ao contrário de um carro, que já começa a depreciar quando sai da loja.

Reforço de renda

Investir em imóveis pode ser um ótimo reforço na sua renda quando você se aposentar. Afinal, depois de quitar o empréstimo, nada impede que você compre outra propriedade para residir. Quando isso acontecer, você terá uma renda praticamente sem esforços: bastará colocar a sua propriedade para a locação, como já explicamos.

Quando falamos de apartamentos projetados para atender o perfil familiar, fica ainda mais simples achar pessoas interessadas em assinar um contrato de locação com você.

E ainda há a alternativa de vender esse bem e usá-lo como entrada em outra propriedade futuramente, depois que o financiamento for concluído.

Defesa contra a inflação

Por lei, as propriedades e os aluguéis passam por reajustes proporcionais à inflação. Assim, o valor do bem é associado ao INCC (Índice Nacional da Construção Civil).

Por sua vez, o INCC é um tipo de inflação específica para a construção civil. Em palavras simples, se a inflação aumentar, a cotação do seu imóvel se eleva junto. Por isso, investir em imóveis é uma forma de proteger seu dinheiro das oscilações de humor da economia brasileira.

Diversidade de alternativas

Ao contrário do que acontecia no passado, atualmente, existem muitas alternativas para financiar a casa própria. Nesse sentido, podemos citar os empréstimos da Caixa Econômica Federal e os de bancos privados.

Além deles, estão disponíveis outros programas habitacionais do governo. Isso sem mencionar os negócios feitos diretamente com as construtoras. Dessa forma, não faltam opções para conquistar esse sonho.

Incentivos fiscais

Ao vender um imóvel residencial, o proprietário fica isento de pagar Imposto de Renda quando o valor é abaixo de R$ 440 mil. Porém, o benefício só é válido quando o dono não tiver comercializado outra propriedade com o mesmo fim nos últimos 5 anos.

Fuga do aluguel

Fugir do aluguel é um dos melhores motivos para investir em imóveis. Afinal, todo mundo sabe que esse dinheiro nunca mais voltará para a família. Além disso, é possível pagar prestações menores do que o valor de uma locação. Quer motivo melhor para pensar seriamente em adquirir seu apartamento?

Desenvolvimento da disciplina financeira

Financiar um imóvel é um compromisso de longo prazo. Por esse motivo, a família se acostuma a poupar dinheiro. Isso cria um aprendizado muito rico sobre economia e consciência de gastos.

Com essa experiência, logo, você poderá pensar em comprar um segundo imóvel. Assim, em vez de gastar com o aluguel, você vai ganhar dinheiro com ele. Por que não?

Retorno maior do que a poupança

A caderneta de poupança é um dos investimentos preferidos do brasileiro. Mas você sabia que ela não é muito lucrativa? Tanto isso é verdade que dificilmente os especialistas em investimentos optam por ela.

Para você ter uma ideia, a poupança rende, em média, 6% ao ano. Por sua vez, o rendimento médio em imóveis foi de 15,3% nos últimos dez anos. É mais do que o dobro da aplicação na poupança!

Proteção para a família

Mesmo que seus filhos ainda sejam pequenos, é preciso pensar no futuro. Com um imóvel, haverá abrigo para que todos enfrentem qualquer situação de dificuldade maior e no caso da família aumentar!

Desconto para imóveis na planta

Mais um motivo para fazer esse tipo de aplicação é que, em média, comprar apartamento na planta é 20% mais barato do que adquirir um pronto. Assim, você pode usar essa quantia para decorar ou comprar outros bens.

Quais cuidados tomar na hora de comprar um imóvel?

Cuidados na compra de imóvel | Guia da Tenda | Blog da Tenda

Investir em imóveis é uma decisão importante, apesar de todas as vantagens que acabamos de mencionar. Por isso, o melhor é ter alguns cuidados quando for partir para a realização desse sonho. Para ajudar você, separamos algumas dicas sobre como fazer a melhor compra. Confira!

Gastos extras

Comprar o imóvel próprio traz obrigações financeiras além das parcelas e da entrada. Entre as despesas, podemos citar a regularização de documentos, a quitação de impostos e os desembolsos com a moradia em si.

Neste último caso, são exemplos de custos de um apartamento taxas como condomínio, água, luz, gás e internet. Tudo isso deve ser levado em consideração antes de optar por investir em imóveis.

Comprovantes de renda

Outro ponto importante é deixar os comprovantes de renda em dia. Dessa forma, separe suas declarações de impostos, extratos bancários e holerites. Tais documentos serão necessários na hora de pedir o financiamento imobiliário dos bancos.

Para os autônomos, a dica é abrir uma pessoa jurídica de MEI (Microempreendedor Individual). Esse procedimento é simples e rápido de fazer, inclusive pela internet.

Como começar a investir em imóveis?

Como investir em imóveis | Guia da Tenda | Blog da Tenda

Adquirir um imóvel é uma etapa muito importante da vida. Afinal, ela envolve inúmeros passos, que vão desde os documentos, passam pelo planejamento financeiro e incluem a escolha do imóvel ideal e a assinatura do contrato.

Contudo, é um esforço que com certeza vale a pena. Com calma e disciplina, você vai conseguir, assim como tantas outras famílias já o fizeram. Antes, porém, observe nosso passo a passo!

Elabore um planejamento financeiro

Por ser um investimento que exige uma quantia alta, a compra do imóvel requer um planejamento econômico. Nesse contexto, uma boa dica é fazer um teste por alguns meses. Durante esse período, a família deve tentar viver apenas com 70% da renda mensal.

Por que isso é importante? É que as parcelas do financiamento de imóvel equivalem a até 30% do orçamento. Então, nesse intervalo de teste, todos em casa poderão sentir se estão mesmo preparados para a jornada.

Ao mesmo tempo em que vocês ensaiam gastar menos, poderão guardar esse valor. Mais tarde, tal montante poderá servir como uma reserva de emergência. Ou, então, será possível usar esse dinheiro para ajudar a pagar a entrada do apartamento ou casa.

Aposte em uma renda extra

Ao decidir investir em imóveis, a maioria das pessoas logo pensa em cortar gastos. Porém, também é uma possibilidade juntar dinheiro a partir de uma renda a mais. Assim, pequenos trabalhos, mesmo que informais, podem fazer a diferença. Ou seja, pense em vender doces para fora, confeccionar artesanatos, fazer hora extra na sua empresa etc.

Verifique o uso do FGTS

Para quem trabalha com carteira assinada, outra forma de conseguir dinheiro é usar o FGTS (Fundo de Garantia do Tempo de Serviço). Essa é uma opção viável na aquisição do primeiro imóvel. No entanto, existem algumas regras para conseguir esse direito. Veja a seguir:

  • mínimo de três anos de trabalho sob o regime de FGTS;
  • não ter outro empréstimo aberto no SFH (Sistema Financeiro de Habitação);
  • não ser dono de outro imóvel residencial na região onde fica a propriedade que você pretende comprar.

Pesquise opções que caibam no seu bolso e atendam à família

Na hora de investir em imóveis, uma parte difícil é escolher a propriedade. Se você não fizer um filtro, certamente, vai se perder em um mar de ofertas. Por essa razão, nosso conselho é selecionar somente os empreendimentos que caibam no seu bolso.

Para isso, experimente o nosso Simulador de Financiamento. Com essa ferramentas, é fácil descobrir o tamanho certinho das parcelas.

Em seguida, será o momento de verificar os gostos, preferências, necessidades e desejos da sua família. Nessa fase, procure abrir a mente e não se esquecer de que, provavelmente, as prestações serão equivalentes a 30% da sua renda.

É muito comum que, por causa do conforto e da privacidade, as pessoas queiram uma casa. Entretanto, um apartamento é mais barato e oferece áreas de lazer maiores, como playground, churrasqueira e jardins. Além disso, as despesas com a casa ficam apenas a cargo do dono. Por outro lado, em um condomínio, boa parte dos custos é dividida entre todos os moradores.

Selecione a forma de pagamento ideal

Se você não possui o dinheiro todo, como boa parte dos brasileiros, terá de decidir qual tipo de empréstimo fará para adquirir seu novo lar. Nesse contexto, negociar com uma construtora de confiança proporciona mais facilidades de pagamento. A Tenda é uma das grandes parceiras dos programas Minha Casa, Minha Vida e Casa Verde e Amarela, e oferece condições que fazem toda a diferença!

Preste muita atenção ao contrato

Pode parecer besteira, mas muita gente acaba se enrolando porque tem vergonha de dizer que não entendeu uma ou outra parte do contrato. Não caia nesse erro! Leve esse documento para casa, procure na internet o significado das palavras que não entender e peça ajuda dos vendedores.

Por que investir em imóveis com a Tenda?

Compra de imóveis | Guia da Tenda | Blog da Tenda

Mais de 120 mil famílias brasileiras já alcançaram a casa própria por meio de nossas parcerias. Quer motivo melhor do que esse? Nós temos: estamos presentes em 9 estados brasileiros — isto é, bem pertinho de você. Descubra ainda mais vantagens!

Atendimento personalizado

Formamos vendedores que ajudam o cliente do começo ao fim. Ou seja, você sempre terá um consultor à disposição para tirar dúvidas. Isso inclui muito mais do que apenas explicar o que está escrito no contrato. Afinal, se for preciso, mudamos o contrato para atender às suas necessidades.

Parcelamento da entrada

Não precisa juntar dinheiro para dar de entrada. Isso, porque parcelamos o seu sinal de compra em até 60 meses — 5 anos. Desenvolvemos essa facilidade por percebermos que a entrada é uma questão delicada para muitas famílias. Por isso, se você não consegue juntar esse valor, não precisa desanimar. Converse com nossos consultores!

Imagens e vídeos

Sem dúvidas, comprar imóvel na planta é mais econômico. Porém, sabemos que, nessa situação, bate aquela insegurança, por não ser possível visitar o apartamento no começo.

A fim de garantir transparência e tranquilidade para nossos clientes, produzimos um vasto arquivo de vídeos e fotos das nossas obras, tanto as em andamento como as concluídas. Ainda mais, você pode conferir decorados e fazer um Tour Virtual completo pelo apartamento.

Empreendimentos com infraestrutura completa

Todos os condomínios produzidos pela Tenda são cercados, oferecendo proteção, conforto e privacidade. Além disso, contam com playground, churrasqueira e salão de festas, entre outras comodidades.

Dicas de decoração

Ainda, temos diversos materiais gratuitos com dicas criativas de decoração. Dessa forma, não apenas ajudamos você a comprar o imóvel, como, também, a montar esse novo espaço tão especial. Para mais dicas, confira nossos posts sobre o tema e siga nosso perfil no Instagram!

Portanto, como você pôde ver, investir em imóveis é possível e vantajoso! Que tal mudar de vida? Então, acesse agora a nossa Loja Virtual!

Loja Virtual Tenda
Spotify Blog da Tenda
Autor do Post | Tenda Blog
Escrito por:

Tenda

Deixe o seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

(0) Comentários
Este artigo ainda não possui comentário. Seja o primeiro.
Deixe seu contato

A gente quer compartilhar as novidades primeiro com você.