GUIA COMPLETO SOBRE FINANCIAMENTO DE IMÓVEL

3 de outubro de 2019

Guia da Tenda

O “financiamento imobiliário” é uma linha de crédito de longo prazo, destinada para a compra de um imóvel novo, usado ou em construção. Em resumo, o financiamento possibilita adquirir uma casa, apartamento ou terreno e pagar parcelado. Feito por bancos e instituições financeiras, o financiamento imobiliário é válido para residências e estabelecimentos comerciais.

Loja Virtual Tenda

O financiamento costuma ter condições mais acessíveis, tanto nas formas de pagamento quanto nas taxas de juros. Assim, essa alternativa coloca o sonho da casa própria ao alcance de muitos brasileiros.

Como funciona o financiamento de um imóvel?

Em primeiro lugar, é preciso se enquadrar em alguns requisitos, como ter mais de 18 anos de idade, comprovar renda e não ter cadastro em nenhum órgão de restrição ao crédito. Então você poderá solicitar a linha de crédito no banco ou instituição que preferir e aguardar a aprovação. Após a aprovação do financiamento, o banco faz o pagamento para o vendedor do imóvel. Essa quantia pode ser o valor total da propriedade ou apenas uma parte.

Para quitar o financiamento, você deve pagar as parcelas diretamente para o banco, dentro do prazo combinado, que pode chegar até 35 anos. A única restrição é que, enquanto o financiamento não estiver quitado, não é possível vender ou negociar o imóvel.

Quais são os tipos de financiamento imobiliário?

Mulher mexendo em um notebook enquanto conversa com um homem | Financiamento de imóvel | Guia da Tenda | Blog da Tenda

No Brasil, existem diferentes tipos de financiamento de imóvel. Confira os principais:

Minha Casa Minha Vida (MCMV)

Sem dúvida, o Minha Casa Minha Vida é um dos financiamentos mais populares do Brasil. Criado pelo Governo Federal, o programa facilita a conquista da casa própria, principalmente para as famílias de baixa renda.

O Minha Casa Minha Vida possui diversos benefícios, como o subsídio, longo prazo de pagamento, taxas de juros menores em relação ao mercado, uso do FGTS, entre outras vantagens. Dividido em quatro faixas de renda, o programa possui algumas regras para participar. Por exemplo, quem já recebeu benefícios de moradia do governo, já tem um imóvel, participou do Programa de Arrendamento Residencial ou tenha financiado ou esteja financiando um imóvel, não pode se inscrever.

Confira os detalhes das faixas de renda do programa Minha Casa Minha Vida. Vale destacar que existem diferenças entre cada uma, como as rendas, taxas de juros, prazo de pagamento e o valor do subsídio.

  • Faixa 1

Essa faixa é para às famílias com renda mensal bruta de até R$1.800. Neste grupo, o benefício do subsídio pode chegar a quitar até 90% do valor do imóvel. As parcelas da casa ou apartamento são de, no máximo, R$ 270 e o pagamento pode ser feito em até 120 meses, ou seja, 10 anos. Na faixa 1, as taxas de juros são as menores, cerca de 5% ao ano.

  • Faixa 1,5

Direcionada para famílias com renda de até R$2.600, que podem receber subsídio de até R$47.500. Da mesma forma que a faixa 1, as taxas de juros são de 5% ao ano. Já o pagamento pode ser feito em até 360 meses, que somam 30 anos.

  • Faixa 2

Para famílias com renda entre R$2.600 e R$4.000, a faixa 2 oferece subsídios de até R$29.000. Nesta faixa o parcelamento pode ser em até 30 anos, com taxas de 5,5% a 7% ao ano.

  • Faixa 3

Dirigida para famílias com renda bruta mensal acima de R$7.000 e até R$9.000. Ao contrário das anteriores, a faixa 3 não tem direito ao subsídio. O pagamento pode ser quitado em até 30 anos, com taxas de 8,16% a 9,16% ao ano.

Se você quer utilizar o financiamento do programa, mas a sua renda individual não é o suficiente, você pode somar com a renda de outras pessoas. Você pode unir até 3 pessoas, entre familiares e amigos. Assim como você, eles também serão proprietários do imóvel e precisam fazer a análise de crédito do banco.

Para quem é casado, o marido ou esposa participa obrigatoriamente do financiamento. Exceto quem esteja sob o regime de separação total de bens.

Documentação para participar do Minha Casa Minha Vida

Veja os documentos necessários que você precisa para participar do programa:

  • Carteira de Identidade (RG);
  • Cadastro de Pessoas Físicas (CPF);
  • Carteira Nacional de Habilitação (CNH), se tiver;
  • Carteira de Identificação Profissional (CIP) se tiver;
  • Certidão de Nascimento, para solteiros;
  • Certidão de Casamento (averbada, no caso de pessoas divorciadas);
  • Carteira de Trabalho (CTPS);
  • Holerites dos últimos três meses;
  • Comprovante de Residência;
  • Declaração do Imposto de Renda, se for o caso.

Sistema Financeiro de Habitação (SFH)

Criado pelo Governo Federal, o Sistema Financeiro de Habitação também é um programa que facilita o financiamento da casa própria. Assim como ocorre no Minha Casa Minha Vida, as taxas de juros são mais baixas e o parcelamento é de até 35 anos.

Para utilizar esse financiamento, é preciso ficar atento às regras. Por exemplo, a compra só pode ser feita por uma pessoa física. Além disso, a parcela deve comprometer no máximo 30% da renda do comprador.

O Sistema Financeiro de Habitação permite financiar imóveis de até R$ 1,5 milhão, mas esse valor pode mudar de um estado para outro. Vale destacar que o financiamento cobre apenas 70% do custo de imóveis usados e 80% dos novos.

Financiamento direto com a construtora

Outra opção é fazer um financiamento direto com uma construtora. Essa é uma alternativa bem flexível, que pode trazer algumas facilidades para o comprador.

Essa opção é similar ao financiamento do banco, mas a negociação costuma ser mais rápida e menos burocrática. Ao escolher uma construtora, analise detalhes como as condições de compra e a documentação necessária, que podem variar de uma empresa para outra. Além disso, verifique as taxas de juros, que comparadas as outras opções de financiamento, normalmente são maiores.

Por fim, fique atento ao prazo de pagamento, pois algumas construtoras não oferecem um parcelamento muito longo. Enquanto o programa Minha Casa Minha Vida tem um prazo de até 35 anos para algumas faixas de renda, há empresas que parcelam em até 10 anos, deixando o valor da prestação mais alto.

Vantagens de financiar um imóvel

Sem dúvida, cada tipo de financiamento tem suas particularidades. De toda forma, existem diversas vantagens em financiar um imóvel. Por exemplo:

Sair do aluguel

Se você sonha sair do aluguel, o financiamento é uma ótima alternativa. Pois você não precisa juntar o valor total do imóvel para conseguir comprá-lo. E muitas vezes a prestação do financiamento é mais barata do que o valor do aluguel.

Utilizar o imóvel de imediato

Se você comprar um imóvel pronto para morar, novo ou usado, é possível se mudar logo após a aprovação do financiamento. Isso permite trocar o valor gasto no aluguel pelas parcelas da casa própria imediatamente.

Não estourar o orçamento

Com toda a certeza, o segredo é escolher um financiamento que cabe no seu bolso. O ideal é conseguir quitar de forma saudável as parcelas da casa própria e pagar os outros gastos do mês com a sua renda.

É preciso lembrar que, além das prestações, podem haver outros custos, por isso, o planejamento financeiro é essencial. Utilize sempre um simulador de financiamento imobiliário antes de fechar um negócio.

Dicas para financiar um imóvel

Conquistar a casa própria exige muita pesquisa, organização e planejamento financeiro. Confira os mais importantes.

Fique atento às exigências do financiamento

Confira todas as regras do financiamento que você escolheu e se organize para cumprir. Por exemplo, é importante ver se o seu score será usado, verificar se está negativado ou se seu nome está com alguma restrição, pois isso pode gerar dificuldades na aprovação do financiamento.

Muitas vezes, é possível conferir esse tipo de informação na internet. E, caso tenha alguma pendência, procure resolver tudo antes de tentar financiar o imóvel.

Organize a documentação necessária

Confira todos os documentos necessários que o financiamento exige. Principalmente em relação a segunda via, cópias simples, cópias autenticadas e outros detalhes. Fique atento às burocracias e faça tudo com calma.

Acabe com todas as suas dívidas antes de iniciar o financiamento

Antes de mais nada, priorize quitar as suas dívidas e compromissos financeiros em aberto. Por exemplo, prestações de carro, cheque especial, faturas atrasadas de cartão de crédito e crediários. Começar um financiamento com compromissos financeiros em aberto pode gerar prejuízos, dificuldades e dor de cabeça.

Faça uma simulação de financiamento antes de fechar negócio

Foto de uma mão feminina abrindo uma porta | Financiamento de imóvel | Guia da Tenda | Blog da Tenda

Antes de tomar uma decisão, é fundamental fazer uma simulação. Aliás, é recomendável fazer várias, para ajudar na escolha da melhor opção. Com isso, você terá uma ideia mais clara sobre o valor que vai pagar. Mas não se esqueça que existem outras despesas que não estarão contempladas na simulação.

Não se esqueça das despesas extras

Além do financiamento existem outras taxas e despesas com o imóvel. E alguns desses custos serão pagos mensalmente, como condomínio, luz, água, internet, gás, entre outros. Por isso, é preciso se planejar e conferir se todos os gastos cabem no seu bolso.

Leve em conta a importância de separar uma parte da renda para fazer uma reserva financeira de emergência. Afinal, não se pode controlar os imprevistos. Por fim, preste atenção aos sistemas de prestações, pois existem diferenças entre eles.

Aprenda a se planejar financeiramente

Um planejamento financeiro é essencial, não só para o financiamento da casa própria, mas também para lidar com todas as suas despesas e ganhos. Estipular metas, definir prioridades, eliminar dívidas e cortar gastos supérfluos são os pontos principais para organizar a sua renda.

Ao se planejar, leve em conta as suas despesas fixas, a reserva financeira de emergência, os seus planos, projetos, entre outros fatores. Com toda a certeza, você vai notar que muitas coisas que pareciam difíceis, vão se tornar mais fáceis de alcançar. Mesmo que seja algo a longo prazo, como o financiamento da casa própria, você pode estabelecer ações e metas para alcançar o objetivo.

Tenha paciência

É normal que o desejo de ter a casa própria provoque certa urgência, mas é preciso ter calma para dar início a um financiamento. O prazo de pagamento é longo e vai impactar o seu orçamento por muitos anos. Por isso, requer pesquisa, análise e preparação. Faça tudo no seu tempo e dentro das suas condições. Com organização e planejamento é possível chegar onde você quer.

O financiamento é uma grande oportunidade para quem quer realizar o sonho e ter uma casa ou apartamento próprio. E algumas opções deixam essa conquista ainda mais fácil, como o programa Minha Casa Minha Vida.

Construtora Tenda

Com mais de 50 anos de história, a Tenda é uma das principais construtoras do Brasil. Uma das grandes parceiras do Minha Casa Minha Vida, a Construtora Tenda atua nas faixas 1,5 e 2 do programa. Presente atualmente em 9 estados brasileiros, a Tenda já comemorou a conquista da casa própria com mais de 120 mil famílias brasileiras.

Além dos benefícios do Minha Casa Minha Vida, na Tenda você consegue mais algumas condições exclusivas de financiamento, como o parcelamento do valor de entrada, entre outras vantagens. Fale com a gente e descubra o imóvel que cabe no seu orçamento, o nosso atendimento é totalmente personalizado para você.

Loja Virtual Tenda

Com o intuito de deixar a conquista da casa sempre ao seu alcance, a Tenda criou a Loja Virtual Tenda, que funciona como um Feirão. Ao acessar a página você pode simular um financiamento, fazer uma pré-análise de crédito, descobrir se tem direito ao subsídio e conhecer o imóvel que cabe no seu orçamento. Entre agora mesmo!

Loja Virtual Tenda
Autor do Post | Tenda Blog
Escrito por:

Tenda

7 respostas para “GUIA COMPLETO SOBRE FINANCIAMENTO DE IMÓVEL”

  1. Norma Barcelos de Araújo Santos disse:

    Gostaria de saber se em Maria Paula, tem apts de 3 quartos.

  2. Maiza Fernandes disse:

    É necessário ter avalista para fazer um financiamento de imóvel?

  3. Ubaldino Nascimento disse:

    gostaria de contato para saber sobre compra de um apartamento em salvador

  4. Raquel Peixoto FARIA disse:

    Quero financiar um apt na região de Jacarepaguá ou próximo o Rio de Janeiro

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

(7) Comentários
  • Norma Barcelos de Araújo Santos

    Gostaria de saber se em Maria Paula, tem apts de 3 quartos.

  • Maiza Fernandes

    É necessário ter avalista para fazer um financiamento de imóvel?

  • Ubaldino Nascimento

    gostaria de contato para saber sobre compra de um apartamento em salvador

  • Construtora Tenda

    Oi Ubaldino, tudo bem? Você pode entrar em contato com a gente no whatsapp (WhatsApp Tenda) ou então acessar diretamente a nossa Loja Virtual, clicando aqui: Loja Virtual Tenda. Fácil, né?

  • Construtora Tenda

    Oi Maiza, tudo bem? Pra saber todas as condições é só chamar a gente no WhatsApp (WhatsApp Tenda) ou ligar para 4003-0603. ?

  • Raquel Peixoto FARIA

    Quero financiar um apt na região de Jacarepaguá ou próximo o Rio de Janeiro

  • Construtora Tenda

    Oi Raquel, tudo bem? Você pode conferir todas as opções nessa região clicando aqui.

Deixe seu contato.

A gente quer compartilhar as novidades primeiro com você.