APARTAMENTO TENDA: SAIBA COMO É MORAR EM UM PELA VISÃO DE UMA CRIANÇA

Guia da Tenda

Você já pensou em não morar em um prédio por causa dos seus filhos? Para descobrir as vantagens desse tipo de residência, confira o depoimento da família Reis, moradores de um apartamento Tenda no Rio de Janeiro.

Loja Virtual Tenda
Spotify Blog da Tenda

Apesar de ser a realidade de muitos brasileiros, diversas pessoas ainda acreditam que apartamento não é o melhor lugar para morar com crianças. O desejo de ter uma casa com bastante espaço parece ideal, mas nem sempre é viável.

A família Reis realizou o sonho da casa própria e se mudou para um apartamento Tenda. Após um ano morando em um dos nossos residenciais, eles decidiram compartilhar com você um pouco dessa experiência. Conheça a história do casal Camila e Celso, e de suas duas filhas, a Heloisa, que tem 7 anos e a Helena, com 8 anos.

Como é morar em um apartamento da Tenda na visão de uma criança?

Heloísa e Helena | Apartamento Tenda | Blog da Tenda

Heloisa e Helena são irmãs e têm aproximadamente a mesma idade, 7 e 8 anos. Nessa fase, é importante fortalecer laços e desenvolver a socialização entre crianças da mesma faixa etária. É por meio da amizade que elas aprenderão a se relacionar com pessoas que estão fora do ambiente familiar e desenvolverão o senso de cooperação e de partilha.

Por isso, a Heloisa e a Helena amam morar em seu apartamento. De acordo com elas, as brincadeiras na parte da tarde no estacionamento e no playground do condomínio são super legais!

Quando questionada sobre os amigos, Helena, a mais velha, contou: “eu tenho alguns aqui no prédio, que já são até da minha escola. Tem duas pessoas, a Maria e o Davi. Eu quase não vejo o Davi, porque ele aparece mais à noite. Mas eu consigo brincar com ele sim. E a Maria também, ela aparece mais à tarde e fica lá até à noite”.

Para Helena, o espaço do estacionamento é ideal para brincar de futebol, bicicleta, pique-pega e até skate! Já para sua irmã, Heloisa, a casinha do playground se torna o cenário perfeito para criar os chás da tarde mais divertidos com sua melhor amiga, Gabi. No entanto, apesar de amar esse espaço, é o escorrega que realmente fica com o posto de cantinho preferido.

Quando o assunto é o cômodo do apartamento preferido, a resposta é unânime: a sala de televisão. Camila, a mãe, explicou que elas adoram receber os amigos em casa para as sessões de cinema. Os pais conseguiram construir um ambiente gostoso e aconchegante — o que faz, inclusive, com que o sofá seja o melhor lugar de todos para Helena —, ideal para juntar a turma para comer pipoca e assistir aos filmes que eles mais gostam.

Como é morar em um apartamento Tenda na visão dos pais?

Apartamento Tenda | Morar em apartamento com crianças | Blog da Tenda

Para Camila e Celso, a experiência de viver em um apartamento com seus filhos é uma oportunidade única e maravilhosa. A expectativa dos pais foi completamente superada e, principalmente, desmistificada. Como já citado, muitas famílias com filhos pequenos temem a vivência do apartamento por conta do espaço disponível para brincadeiras.

Com a família Reis, não foi diferente. Camila contou que tinha muito medo de se mudar para um prédio e privar suas filhas de um espaço físico para momentos de diversão. O que vivenciam atualmente é, no entanto, o oposto disso.

“Acho que tudo é uma questão de adaptação. Hoje, minhas filhas estudam, brincam, trazem seus coleguinhas, batem papo, tudo dentro do apartamento. Brincam no apartamento de uma forma, brincam no play de outra forma. Aqui elas têm tanta liberdade quanto em um quintal de uma casa”, explicou a mãe.

No fim das contas, Helena e Heloisa, que antes moravam em uma casa, vivem da mesma forma, sem nenhum tipo de privação decorrente da mudança. “Como eu disse antes, é uma questão de adaptação. As brincadeiras e a rotina em casa tiveram que se adaptar a essa nova realidade, mas não vejo isso de forma negativa”, explicou Camila.

Por que essa família é um case de sucesso?

A família Reis vive no apartamento Tenda há mais de um ano. Entretanto, antes de decidirem investir nele, moravam em uma casa. “O imóvel era ocupado com a autorização da Companhia Estadual de Habitação do Rio de Janeiro, a Cehab-RJ”, explicou Celso.

“Apesar de não pagar aluguel, ficamos cerca de 18 anos esperando a regularização do imóvel. Por isso, decidimos que queríamos ter essa independência. Era muito frustrante a espera, sabendo que não tínhamos nada em nosso nome. Repassamos a responsabilidade do acordo para outra pessoa, junto ao Cehab-RJ, e optamos pelo investimento em um apartamento”, acrescentou o pai.

Como estavam acostumados à vivência da casa, tinham medo de perder qualidade de vida pela redução do espaço. Mas o que contaram, é que, na verdade, a realidade atual é de muito mais conforto e segurança, sem interferir na experiência de uma infância estimulante para suas filhas.

Quais são os pontos positivos de viver em um apartamento Tenda?

Apartamento Tenda | Morar em Condomínio | Blog da Tenda

O casal destacou algumas vantagens de ter trocado a casa pelo apartamento, como:

Segurança

Celso sai cedo para o trabalho e deixa para trás suas filhas pequenas e a esposa. Segundo ele, na antiga casa isso o deixava bastante inseguro e preocupado. Pelo menor grau de vigilância e maior vulnerabilidade estrutural, casas tendem a ser menos seguras do que condomínios de apartamentos.

Sem dúvidas, a visão do pai está de acordo com essa afirmação. Ele acredita que o espaço próprio para brincadeiras e o controle de portaria são fatores determinantes para que ele se sinta mais confiante ao deixar sua família em casa pela manhã e, por isso, vai trabalhar mais tranquilo. “Aqui, realmente confio que elas estão seguras”, disse.

Comodidade

De acordo com os pais, a melhoria da qualidade de vida é algo indiscutível. Além do deslocamento diário para o trabalho, é importante considerar o que a vizinhança tem a oferecer. “Estamos próximos do colégio, do balé, da natação, da academia. Isso nos dá a possibilidade de descansar mais, já que gastamos menos tempo com o deslocamento”, explicou Celso.

Morar perto da escola, por exemplo, pode ser muito importante para manter as crianças próximas umas das outras, o que contribui para fortalecer laços. No caso de Helena, a proximidade de casa com a escola faz com que dois dos seus amigos do prédio sejam também do colégio — e, não à toa, quem ela citou quando questionada sobre os colegas.

Conforto

Outros pontos positivos ressaltados pela família foram a acústica e a otimização do espaço. “A acústica é muito boa, e isso com certeza é algo que faz a diferença. Não ouvimos os nossos vizinhos e muito menos o barulho da rua. Acho um ponto importante, já que um dos problemas de morar em apartamento para muitas pessoas pode ser esse”, disse o pai.

Já para Camila, o espaço reduzido da planta fez com que o casal tivesse que pensar nas melhores maneiras de otimizar o espaço. “Procuramos fazer tudo de uma forma bastante funcional, o que nos obrigou a adotar um estilo de vida com menos acúmulo. Tenho amado essa ideia!”, afirmou.

E resumo, o balanço da família Reis é absolutamente positivo. Além de realizar o sonho de ter um imóvel próprio, Camila e Celso tiveram suas expectativas superadas. Viver em um prédio não implica em uma infância menos movimentada e divertida para as crianças. Portanto, se você quer ter ou já tem filhos, pense em todos os pontos positivos apresentados por esta família! Essa experiência pode ser melhor do que você imagina.

Por fim, acredite, você também pode mudar de vida e conquistar o seu apartamento próprio. Fale com a gente e descubra o imóvel que cabe no seu bolso.

Loja Virtual Tenda
Spotify Blog da Tenda
Autor do Post | Tenda Blog
Escrito por:

Tenda

Deixe o seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

(0) Comentários
Este artigo ainda não possui comentário. Seja o primeiro.
Deixe seu contato

A gente quer compartilhar as novidades primeiro com você.