18 PEQUENOS REPAROS QUE VOCÊ MESMO PODE FAZER NA SUA CASA

Dicas Domésticas

Realizar pequenos reparos em casa, por conta própria, é muito importante. Isso porque, além de conservar o imóvel, o morador também economiza dinheiro — já que não é preciso chamar prestadores de serviços sempre que algo necessitar de manutenção. Ainda mais, vale destacar que essa não é uma habilidade restrita ao universo masculino: as mulheres estão cada vez mais colocando as mãos na massa!

Loja Virtual Tenda
Spotify Blog da Tenda

Por isso, veja agora 18 tipos de reparos que exigem apenas boa vontade, capricho e o manuseio de ferramentas simples. Aprenda os macetes de cada um e cuide da sua residência como um profissional!

Como se preparar para fazer reparos?

Reparos | Dicas domésticas | Blog da Tenda

Em primeiro lugar, para realizar pequenos reparos em casa, defina as etapas do serviço e determine dias e horários para executá-las. Se você morar em apartamento, leve em consideração a lei do silêncio vigente no condomínio, para não incomodar os vizinhos.

Em seguida, prepare uma lista com os materiais necessários e providencie-os. Antes de comprar, pesquise preços e compare os custos/benefícios. Isso evita ter que sair no meio de um reparo para buscar algum item esquecido, otimizando o tempo.

Quando é necessário contratar profissionais para fazer os reparos?

Nem todos os problemas podem ser resolvidos sem um profissional, pois boa parte dos reparos exige conhecimentos específicos. Por exemplo:

  • serviços elétricos e hidráulicos, como sobrecargas e vazamentos;
  • colocação dos acabamentos (pisos e azulejos);
  • instalação de gesso e sancas;
  • substituição de fechaduras;
  • troca de válvulas e mangueiras para fogões a gás etc.

Nesses casos, além da durabilidade do serviço, o serviço de um profissional é importante para evitar acidentes, garantindo a segurança da família e dos vizinhos. Afinal, em prédios, qualquer problema mais sério pode afetar os outros apartamentos.

Como fazer pequenos reparos em casa com segurança e eficiência?

Ainda assim, com alguns cuidados, é perfeitamente possível fazer pequenos reparos em casa sem ajuda de profissionais. Confira como!

Reparos em geral

Reparos gerais | Dicas domésticas | Blog da Tenda

Trocar fechaduras

Para começar, remova os parafusos da fechadura com a chave de fenda. Depois, afrouxe e remova a maçaneta da porta. Assim que conseguir soltar, desparafuse os espelhos laterais ou as rosetas. Ainda mais, lembre de ter bastante cuidado ao organizar os parafusos, para não perder nenhum deles.

Coloque a fechadura nova no espaço da porta e encaixe o cilindro em seguida. Tudo isso sem deixar de lado o parafuso responsável por prendê-lo na estrutura. Parafuse tudo e coloque as maçanetas, a base, as rosetas e as alavancas. Finalize prendendo com o parafuso e teste para ver se tudo está funcionando.

Tapar furos e rachaduras superficiais

Antes de tudo, com uma lixa nº150, elimine os relevos nas bordas dos furos e/ou das rachaduras. Limpe o pó com um pano úmido e outro seco, para não prejudicar a aderência da massa.

Pode-se misturar um pouco de gesso na massa corrida, para secar mais rápido. Durante a aplicação, deixe um excesso de massa, para que a superfície não afunde. Depois, use uma espátula metálica para nivelar o preenchimento.

Espere secar. Envolva a lixa em um toco de madeira e passe sobre a superfície suavemente, para ficar uniforme com o restante da parede. Por último, basta fazer a repintura.

Pintar paredes

Antes de mais nada, forre o piso, os móveis e os demais objetos presentes no cômodo. Lixe a parede e passe um pano úmido, para remover o pó. Então, passe fita crepe ao redor da área que será pintada (rodapés, juntas das paredes e teto, interruptores e tomadas). Prepare a tinta conforme as instruções no rótulo.

Comece a pintura pelo entorno: com uma trincha, faça uma faixa larga, rente à fita crepe. Depois, use um rolo para preencher o interior da área demarcada. Espere secar e dê outra demão. Por fim, retire a fita crepe antes de secar completamente.

Arrumar a cama

Na maioria dos casos, uma cama barulhenta é resultado de má lubrificação das juntas. Por isso, utilize um pano e passe lubrificante líquido em todas as juntas da sua cama, o que ajudará a diminuir o rangido. Se após lubrificada a cama continuar a ranger, cheque se os parafusos estão todos apertados corretamente e se as peças estão todas bem encaixadas.

Consertar marcas em pisos de madeira

Esse é um reparo um pouco inusitado para acabar com aqueles arranhados na madeira, mas funciona! É só utilizar uma uma noz. Basta esfregá-la, sem a casca, suavemente em cima dos riscos que te incomodam. Depois, utilize um pano seco e novo para limpar. A melhora ocorre graças ao óleo que a noz contém. Utilize ele para maquiar os estragos da madeira e dar aquela impressão de nova.

Tirar mofo de paredes e móveis

Primeiro, é preciso que a causa do mofo (geralmente, umidade ou infiltração) seja resolvida. Depois, limpe-o com uma mistura caseira.

Em seguida, umedeça um pano limpo e seco em uma solução com partes iguais de água e vinagre. Esfregue sobre o mofo, enxágue com água e deixe secar.

Aplicar papel de parede

Papel de parede | Dicas domésticas | Blog da Tenda

Primeiro, conserte a parede e remova os espelhos de interruptores e tomadas. Depois, marque o local da instalação, fazendo linhas verticais de orientação. Desenrole o papel em uma superfície plana e corte, deixando sobrar cerca de 5 cm em cada lateral.

Inicie a colagem pela parte de cima da parede, desenrolando o papel até embaixo. Quando terminar, alise com as mãos, para se livrar das bolhas maiores. Depois, use uma escova para eliminar as menores.

Então, com uma espátula, retire o excesso de cola sob o papel, indo do meio para as laterais de cada faixa. Logo depois, pressione os cantos nos rodapés e teto, bem como os vincos entre as paredes. Corte as sobras com um estilete.

Com o rolo, aplique uma camada de cola e deixe secar. Para concluir, corte (em forma de cruz) o papel que está cobrindo os locais das tomadas e dos interruptores.

Colocar lustres, pendentes e outros

Primeiramente, desligue o disjuntor do cômodo onde será a instalação. Se não conseguir identificá-lo, desligue a chave geral. Dessa forma, você evita tomar um choque.

Logo depois, conecte os fios do ponto de energia (no teto) aos fios do lustre, pendente, spot ou outro modelo. Se estiverem com a ponta encapada, desencape com um estilete. Para conectar os fios, coloque-os lado a lado e torça com um alicate. Além disso, cubra as emendas com fita isolante.

Encaixe o suporte da luminária no teto e prenda os parafusos com uma chave de fenda. Em caso de dúvida, siga as indicações na embalagem.

Vedar janelas

Sem dúvida, acabar com entrada de água na sua janela é um dos reparos mais simples. Primeiro, descubra o local do vazamento e seque-o bem. Usando uma pistola própria, aplique silicone no local e pronto. Só é preciso isso mesmo!

Pendurar quadros ou prateleiras

Quadros pequenos podem ser pendurados com um prego de aço. Por outro lado, se forem quadros ou prateleiras pesadas, use buchas para garantir a segurança. Defina e marque o lugar, posicione a furadeira e, após furar, encaixe uma bucha. Em seguida coloque o parafuso e tudo pronto. Mais um pequeno reparo feito.

Reparos hidráulicos

Consertos hidráulicos | Dicas domésticas | Blog da Tenda

Consertar torneiras

Consertar uma torneira e acabar com o vazamento é mais fácil do que você imagina. Comece fechando o registro, depois solte a tampa superior da torneira com um alicate e retire o parafuso interno com uma chave de fenda.

Em seguida, solte a parte superior da torneira usando uma chave inglesa para retirada do pino central e substituição do vedante. Finalize montando a torneira novamente.

Desentupir pias

A maioria dos entupimentos é fácil de resolver: basta encher a pia com água e usar um desentupidor. Se não adiantar, despeje uma xícara de sal, a mesma medida de bicarbonato de sódio e água fervente.

Se ainda assim continuar entupida, prepare-se: pegue alguns panos de limpeza e faça uma barreira na frente da pia, para a sujeira não se espalhar. Usando luvas, desatarraxe o sifão (que fica rosqueado no ralo, embaixo da pia) e jogue o que estiver obstruindo a passagem fora. Limpe o encanamento com uma escova e recoloque no sifão.

Consertar vazamentos

O primeiro passo é tentar descobrir o foco do vazamento. Para isso, desligue o abastecimento de água na tubulação a ser reparada e abra as torneiras para esvaziá-la. Se o vazamento está em um cano, só é preciso trocá-lo ou instalar uma válvula de aço. Agora, caso o problema esteja na junção de dois tubos, será preciso refazer a conexão.

Instalar a máquina de lavar

Primeiramente, conecte a mangueira da máquina à torneira de abastecimento, vedando com uma fita veda rosca. Em seguida, ligue a mangueira de esvaziamento ao cano de saída de água e pronto! Só não se esqueça de deixar a mangueira de esvaziamento nivelada para que o fluxo de entrada não impeça o esvaziamento da máquina.

Reparos elétricos

Reparos elétricos | Dicas domésticas | Blog da Tenda

Trocar lâmpadas

A lâmpada queimou e o cômodo está no escuro? Sem problemas! Para começar, compre uma nova, preferencialmente de LED, que tem maior durabilidade e é reciclável. A seguir, desligue a fonte de energia para não correr nenhum riscos. Depois é só remover a antiga e rosquear calmamente a nova.

No entanto, se a lâmpada antiga queimou devido a um curto e o vidro trincou ou se partiu, lembre-se de usar luvas de borracha ao removê-la do bocal para evitar qualquer tipo de incidente.

Trocar interruptor e tomadas

Em muitos casos, existe apenas um problema de mau contato. Para ter certeza disso, o ideal é desligar a corrente elétrica do circuito que se deseja mexer para desmontar a peça e refazer as conexões. Depois, religue a energia e verifique se o dispositivo voltou a funcionar normalmente.

Caso contrário, a solução será trocar o mecanismo danificado por um novo. Portanto, desligue novamente o circuito e retire o interruptor ou a tomada antiga de modo a preservar a fiação. Em seguida, conecte os fios da peça nova ao sistema elétrico da residência e os proteja utilizando uma fita isolante. Por fim, fixe o dispositivo na parede, religue a corrente elétrica e faça alguns testes.

Instalar chuveiro elétrico

Em primeiro lugar, garanta que a chave de luz e o registro de água estão desligados. Então, desconecte os fios, desenrosque o chuveiro da parede, passe fita veda-rosca na ponta do cano do novo chuveiro e instale-o no lugar do antigo.

Por último, ligue os fios novamente, passe fita isolante nas emendas ou conectores de porcelana e depois de testar, aproveite para tomar um banho relaxante!

Trocar resistência ou chuveiro

Desligue o disjuntor do banheiro e feche o registro de água. Para trocar a resistência elétrica, remova a tampa do chuveiro (por onde sai a água). Ao mesmo tempo, retire a resistência queimada e coloque a nova na mesma posição.

Recoloque então a tampa do chuveiro, abra o registro e deixe escorrer um pouco de água fria. Depois, religue o disjuntor e pronto. Como resultado, ele já está pronto para ser usado.

Por outro lado, para trocar o chuveiro, desconecte os fios e desencaixe o aparelho da parede. Enrole a fita veda-rosca na ponta do cano do chuveiro novo e instale-o. Religue os fios, cobrindo as emendas com fita isolante.

Viu como é simples fazer pequenos reparos em casa? Em resumo, lembre-se sempre de desligar a chave de energia sempre que for mexer com eletricidade e, com a parte hidráulica, feche o registro. Com esses cuidados, é perfeitamente possível cuidar do lar sem a ajuda de um profissional. Assim, você gasta apenas com os materiais e economiza na mão de obra!

Se você se interessa por conteúdos deste tipo, siga as nossas redes sociais e acompanhe novas postagens. Estamos no FacebookInstagram YouTube!

Loja Virtual Tenda
Spotify Blog da Tenda
Autor do Post | Tenda Blog
Escrito por:

Tenda

Deixe o seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

(0) Comentários
Este artigo ainda não possui comentário. Seja o primeiro.
Deixe seu contato

A gente quer compartilhar as novidades primeiro com você.